13 dezembro 2010

Relato de um soldado

 Era um dia normal, eu me despedi da minha família, que ficou em casa esperando minha volta do trabalho.
O meu colega me passou o serviço sem nenhuma alteração.
Mais uma noite calma.
Quando nos trouxeram dois prisioneiros,já eram quase meia noite.
Coloquei os dois detentos na prisão, como veio a ordem que eles teriam de ser presos com algemas nos pés e mãos.
Quando de repente adormeci.
Acordei e levei um susto.
As celas estão todas abertas, o que vou fazer.
Pensei eu, não tem mais jeito, os prisioneiros fugiram.
Eu falhei. Como homem, marido, profissionalmente.
Vou consertar o meu erro, tirar minha própria vida.
Foi ai que eu ouvi uma voz vindo daquela cela suja e escura.
- Não te faça nenhum mal, que estamos todos aqui!!!
Entrei na cela e estavam e trouxe eles para o corredor.
Fiz uma pergunta para eles:
- Senhores, que devo fazer para ser seja salvo?
Para minha surpresa eles me responderam assim:
Crê no Senhor Jesus e serás salvo, tu e tua casa.
E me falaram do amor de Jesus por mim e pela minha família.
Levei os prisioneiros, que agora eram meu irmão na fé em Jesus,para minha casa.
Pois estavam muito ferido os seus corpos, por só levarem o amor de Deus as pessoas.
Tratei os ferimentos, digo os vergões nas suas costas.
 Que noite linda foi aquela, pois eu e minha casa fomos batizados.
Começamos uma nova vida, uma família que agora reconhece a obra da cruz de Jesus.
E os prisioneiros, estes continuaram o chamado que Deus preparou.
 Medite nesta história que foi tirado da bíblia, em atos dos apóstolo capitulo 16 versículo 23 adiante.

Um comentário:

nardopuro disse...

Amémm,esta passagem nos ensina muito,continua assim levando e vivendo a palavra de Deus.
Graça e Paz
Um abraço

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
DATA